Restam apenas:
para o fechamento das inscrições!

Sobre o Programa

O programa de aceleração de tecnologias ASTRo é composto por uma série de atividades em grupo e individuais. Durante 10 semanas, vão ser realizados módulos de desenho de proposta de valor, construção de plano experimental e de pesquisa, definição de modelo de negócios e plano de comercialização.
De maneira customizada, o programa adotará o modelo de flipped classroom e aprendizagem baseado em projetos, com o intuito de desenvolver o mindset de inovação e empreendedorismo nos pesquisadores aplicados aos seus projetos para que os mesmos possam agilizar o seu processo de entrada no mercado.
E como ferramentas de acompanhamento será baseado em metodologias ágeis de gestão de projetos inovadores.
Para informações mais detalhadas sobre o programa e critérios de elegibilidade, consulte o regulamento aqui.

Quem pode participar?

  • Qualquer grupo de pesquisa, cadastrado ou não no CNPq, que possua pesquisa para desenvolvimento de uma tecnologia em saúde, tem a possibilidade de participar do programa ASTRo. O grupo precisa ser ligado a uma ICT (Instituição de Ciência e Tecnologia), que pode ser uma universidade, instituto ou fundação. Consulte a lista de ICTs aqui. Além disso, é necessário que a instituição tenha uma área de gestão dos processos de inovação. E essa área já deve ter desenvolvido uma política de propriedade intelectual.

Benefícios para os pesquisadores acadêmicos

  • Aperfeiçoamento dos planos de comercialização das tecnologias em desenvolvimento;
  • Identificação de possíveis parceiros e alternativas de modelos de negócios com diferentes “pacotes de valor”;
  • Mentoria com especialistas de mercado e especialistas indicados da Roche.

Benefícios para as ICTs dos pesquisadores.

Validação de um método para:

  • Desenvolvimento de parcerias e de redes – interação com potenciais parceiros, usuários e clientes para o refinamento das propostas de valor e a formulação das estratégias para o desenvolvimento de colaborações formais.
  • Construção de capacidades – desenvolvimento dos conhecimentos e das habilidades necessários para fazer parcerias e comercializar tecnologias.

Inscreva-se

faq

ASTRo é um programa de aceleração do Grupo Roche. Ele tem por objetivo selecionar equipes que desenvolvam os mais promissores projetos de pesquisa na área de saúde, de acordo com os critérios da Roche, para participação no Programa, o qual será constituído por workshops presenciais em espaço de localizado na cidade de São Paulo e coaching online (hands-on), durante um período de 10 semanas. De maneira customizada, o programa adotará o modelo de flipped classroom e aprendizagem baseado em projetos, com o intuito de desenvolver o mindset de inovação e empreendedorismo nos pesquisadores para que os mesmos possam agilizar o processo de entrada no mercado de suas tecnologias.
Para submeter uma proposta é preciso atender a alguns quesitos e preencher algumas informações. Você pode acessar o regulamento do programa ASTRo clicando aqui e o formulário de inscrição clicando aqui. O período de inscrições vai de 17/04 até 15/06.
A sua proposta deverá ser encaminhada de 17/04 até 15/06 unicamente por via eletrônica. Para fazer isto, clique aqui.
Equipes que possuam pesquisas e tecnologias vinculados a uma instituição científica, tecnológica e de inovação. Entende-se por equipes um grupo formado por pesquisadores (grupo de pesquisa) vinculados à uma instituição científica que desenvolvam os mais promissores projetos de pesquisa que permitam desenvolver tecnologias em saúde.
Cada equipe deve se inscrever com apenas uma proposta de tecnologia/projeto de pesquisa.
Maturidade tecnológica é o estágio de desenvolvimento no qual a tecnologia apresentada se encontra. Ela pode ser classificada nos seguintes níveis: 
  • Maturidade 1 - investigação básica ou ideia em desenvolvimento onde os princípios básicos da tecnologia são observados e reportados. Mas, ainda não se realizou investigação aplicada nem desenvolvimento.
  • Maturidade 2 - investigação suportada por um conceito tecnológico e/ou ideia de aplicação no qual a tecnologia já possui algum grau de sustentação. Ou seja, já foram observados alguns princípios básicos e foi iniciada a P&D, mas as aplicações ainda são especulativas.
  • Maturidade 3 - investigação suportada por um mínimo de experimentação, onde foram realizados estudos experimentais e analíticos para validar as predições que se tem acerca da tecnologia. Estes estudos constituem uma prova de conceito preliminar da tecnologia, realizada em ambiente laboratorial (ex.: testes in vitro).
  • Maturidade 4 - validação dos componentes da tecnologia em ambiente de laboratório, no qual os componentes tecnológicos básicos são desenhados, desenvolvidos e integrados para verificar se trabalham em conjunto. No caso de produtos de software, inserem-se nesta etapa os “alpha tests”.
  • Maturidade 5 - validação dos componentes da tecnologia em ambiente relevante para integração dos componentes tecnológicos e teste das aplicações deles num ambiente realístico. Corresponde aos ensaios pré-clínicos no setor farmacêutico e à validação dos componentes do sistema ou processo em produtos de software.
Cada equipe deverá inscrever entre 2 e 4 pessoas, para ter sua inscrição validada. A equipe pode ter mais de 4 integrantes, no entanto o número para participação se restringe a 4, devido à restrição de espaço físico do coworking onde as atividades serão realizadas.
Não. Vale ressaltar que todos os materiais enviados pelas equipes ficarão armazenados na base de dados da Roche, mas continuarão de propriedade de seus autores. Os conteúdos cadastrados serão divulgados apenas para a Roche e Biominas Brasil e, para os avaliadores e os mentores indicados.
O processo se dará em duas etapas:

Etapa I - Avaliação dos formulários de inscrição: Consiste na avaliação do conjunto de informações enviadas por meio do formulário de inscrição por, pelo menos, dois avaliadores e terá como nota final a média dos pontos gerados por eles.

Etapa II – Entrevista: Consiste na realização de entrevista presencial ou à distância, conforme orientações a serem encaminhadas oportunamente, com até 30 equipes que tiveram as maiores pontuações na Etapa I. Cada entrevista será conduzida por, pelo menos, dois avaliadores e terá como nota final a média dos pontos gerados por eles.
Na etapa de avaliação de formulários, serão avaliados os seguintes critérios: Tecnologia, Problema, solução, Inovação, Diferencial, Definição de cliente/usuário, perfil da equipe e Coerência no conjunto de informações.

Já na etapa de entrevistas a avaliação será realizada nos seguintes critérios: Problema, Solução, Inovação, Perfil de equipe e Convencimento no conjunto de informações.
O anúncio das equipes selecionadas para o programa está previsto para o dia 01 de Agosto de 2019 em evento de abertura do Programa, sendo posteriormente divulgado na página do programa - www.programastro.com.br. Toda a comunicação oficial com as equipes participantes se dará única e exclusivamente via e-mail enviados para os endereços cadastrados no formulário de inscrição.
O programa engloba atividades presenciais e a distância. Todas as datas das atividades constam no cronograma e é necessária a presença de pelo menos um membro da equipe nos dias de atividades presenciais.
Nos dias de atividades presenciais, o programa será realizado na cidade de São Paulo-SP, em um espaço de coworking a ser confirmado.
O programa engloba diversos tipos de atividades ao longo das 10 semanas, que envolvem 80h de capacitação por meio de workshops presenciais, 48h de coaching online (mentorias), 16h de apresentação para banca de avaliadores e 4h para apresentação final do pitch. Além disso, é necessário a dedicação das equipes para realizar as atividades remotas do programa.
  1. Uso de ferramentas inovadoras que facilitam a modelagem de negócios especificamente em saúde.
  2. Aprender a fazer uma apresentação atrativa e objetiva do seu negócio, ideal para atrair potenciais investidores e parceiros. (Pitch)
  3. Aprender uma linguagem de negócios.
  4. Aprender a ver sua pesquisa-projeto por novas perspectivas, influenciando até mesmo na forma como conduzir seus experimentos científicos no laboratório.
  5. Desenvolvimento de parcerias e de redes – interação com potenciais parceiros, usuários e clientes para o refinamento das propostas de valor e a formulação das estratégias para o desenvolvimento de colaborações formais.
O programa ASTRo não cobra nenhum tipo de taxa das equipes participantes nem contrapartida financeira ou econômica.
A Roche NÃO é responsável por providenciar e arcar com as despesas de transporte e hospedagem (e outras, como alimentação) dos integrantes das equipes, para que possam participar de todos os encontros presenciais do Programa.

Sobre a Roche

Com sede na Basileia, na Suíça, a Roche é líder em pesquisa voltada à saúde, com forças combinadas em produtos farmacêuticos e diagnósticos. É uma das maiores empresas biotecnológicas do mundo, com medicamentos realmente diferenciados em oncologia, imunologia, doenças infecciosas, oftalmologia e neurologia. Também é líder mundial em diagnóstico in vitro e diagnóstico de câncer de tecido. A estratégia personalizada de saúde da Roche visa fornecer medicamentos e diagnósticos que possibilitem melhorias tangíveis na saúde, qualidade de vida e sobrevivência dos pacientes. A Roche foi uma das primeiras empresas a reconhecer a importância da inovação externa. Há mais de 10 anos foi criada a Roche Partnering, com o objetivo de se tornar partner of choice para empresas de biotecnologia e institutos de pesquisa em todo o mundo. Desde então, a empresa manteve um modelo que valoriza a inovação externa tanto quanto as descobertas internas. Ela segue uma estratégia de P&D fundamentada em parcerias, pois acredita que assim é possível construir um futuro melhor, com medicamentos e tecnologias que fazem uma diferença real para os pacientes. Para mais informações, visite www.roche.com.br.

Sobre a Biominas Brasil

A Biominas Brasil é uma instituição privada com atuação nacional e internacional, que tem em seu core business o empreendedorismo e a inovação em Ciências da Vida. Criamos e desenvolvemos negócios inovadores solucionando problemas e fomentando o ecossistema brasileiro de hard Science.

Atua na identificação e estruturação de ideias e projetos promissores vindos de universidades e centros de pesquisa, desde a modelagem do negócio, montagem de equipe e infraestrutura, captação de investidores, à condução de estratégias comerciais e internacionalização. Além de ajudar grandes empresas a estruturar e executar programas de inovação aberta neste segmento.


Promova sua ideia